Programação do “Dia da Independência de Moçambique” acontece desta quinta-feira (23) a 25

Com o tema “Moçambique, que país é este?”, o Dia da Independência de Moçambique será comemorado nesta quinta-feira (23) e estende-se até sábado (25), no Campus da Liberdade, em Redenção/CE.

No dia 25 de junho de 1975, foi declarada a proclamação da independência de Moçambique, um território colonizado pelo império português a partir de finais do séc. XV e inícios do séc. XVI. A opressão secular e o colonial fascismo português acabaria por obrigar o povo moçambicano a pegar em armas e lutar pela independência. Em 1964, a Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo) iniciou a luta armada contra o Estado Novo, porque este não reconheceu as pretensões autonomistas e independentistas existentes no território, finalizando na proclamação da independência de Moçambique.

Programação

O evento ocorre com o apoio da Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex), através do Projeto “IndependênciaS”, junto aos estudantes moçambicanos, responsáveis pelo planejamento e execução das atividades comemorativas.

No primeiro dia (23), a partir das 19h30, na área de convivência do Bloco Administrativo do Campus da Liberdade, haverá apresentações culturais com declamação de poemas, apresentações musicais e teatrais, as danças típicas Marrabenta e Pandza e o grupo Real Power, além de projeção de vídeos sobre Moçambique.

No segundo dia (24), às 19h30, no Auditório do Bloco Administrativo, acontece sessão de cinema com o filme “O grande bazar”, cuja história está centrada na figura de Paíto, um moçambicano de 12 anos que, após ser roubado, decide não voltar a casa enquanto não recuperar o que perdeu.

Logo em seguida, acontece a oficina de dança Marrabenta. Para participar da oficina, serão disponibilizadas 20 vagas.  As inscrições podem ser feitas pelo formulário eletrônico.

No sábado (25), de 11h as 13h30, no Restaurante Universitário, no dia da Independência de Moçambique, haverá apresentações musicais com imagens das belezas artísticas e naturais do país de Moçambique.

BOTAO AVALIE

Comentários encerrados.