Café com Letras traz palestra sobre romance Bom-crioulo

CAFE-COM-LETRAS-destaque_b

O projeto de extensão Café com Letras apresenta, nesta terça-feira (30), às 16h, a palestra “Gênero, censura, tradução e edição no romance Bom-crioulo, de Adolfo Caminha”, com o professor Cadu Bezerra.

Professor adjunto do Instituto de Humanidades e Letras (IHL) da Unilab, Cadu Bezerra apresentará as discussões e os resultados de uma pesquisa qualitativa e bibliográfica sobre gênero, censura, tradução e edição do romance Bom-crioulo, de Adolfo Caminha, publicado em 1895, no Rio de Janeiro. Por ser um dos primeiros romances brasileiros a tratar da homossexualidade abertamente, Bom-crioulo foi a princípio censurado moralmente e depois politicamente, resultando em uma espera de décadas para que fosse traduzido, o que só ocorreu após anos de atuação do movimento LGBT e sua luta por direitos sociais e pelas representações, bem como após o surgimento de um mercado editorial específico.

Sobre o palestrante

Professora da Unilab, integra como pesquisador o Núcleo de Políticas de Gênero e Sexualidades. Doutor em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp); mestre em Letras e Especialista em Investigação Literária, ambos pela Universidade Federal do Ceará (UFC) onde concluiu a graduação em História. Concentra as pesquisas nas áreas de Literatura e Gênero, especialmente nos temas corpo, gênero, violência e literatura de informação.

Sobre o projeto

O Projeto de Extensão Café com Letras: saberes docentes e práticas acadêmicas, em sua quinta edição (2016-2017), está sendo organizado pela professora Cláudia Calado (coordenadora) e Leidiane Tavares (vice-coordenadora). A proposta é congregar professores e estudantes em palestras sobre diversos temas de Linguística e Literatura e também de áreas relacionadas.

Comentários encerrados.