Mestrado realiza lançamento de livro sobre estratégias sustentáveis

O livro é produto de uma articulação interinstitucional de universidades e grupos de pesquisa, sendo a maioria dos artigos resultado de pesquisas financiadas pela Capes, CNPq e Funcap. Foto: Assecom/Unilab.

Professores e mestrandos da terceira turma do Mestrado Acadêmico em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis (Masts), da Unilab, lançaram o livro “Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação: estratégias sustentáveis”, nesta segunda-feira (20).

O livro teve como organizadores os professores Antônio Roberto Xavier e Juan Carlos Alvarado, docentes permanentes do Masts, e a mestranda Jangirglédia de Oliveira. A obra foi produzida a partir de articulação interinstitucional de diferentes universidades e grupos de pesquisa, sendo a maioria dos artigos resultado de pesquisas financiadas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap).

Estudantes e professores da turma que publicou artigos no livro e participou de sua organização. Foto: Assecom/Unilab.

Entre as pesquisas apresentadas estão: Produção de biogás a partir de biodigestores: estratégia sustentável para a Macrorregião de Baturité/CE; Compostos bioativos e atividades antioxidante em frutas; O efeito de um gel dental de alfavaca-cravo contra a gengivite e o biofilme dental: delineamento teórico-metodológico, entre outras.

O professor Juan Carlos destacou o caráter coletivo da edição do livro e a variedade de autores e objetos abordados. “A temática do livro está na moda, mas deveria ser permanente. Temos orgulho, foi um trabalho muito benfeito e agora esperamos trabalhos muito bons nos próximos meses, até que cheguem à dissertação”, disse.

Professor Juan Carlos. Foto: Assecom/Unilab.

Professora do mestrado e também do Instituto de Desenvolvimento Rural (IDR), Socorro Rufino reforçou o caráter multidisciplinar do livro e como ele se conecta com o próprio mestrado, levando ao público leitor debates travados ainda no início das aulas do programa. “Juntar professores e pesquisadores de diferentes áreas e formar um mestrado é algo muito complexo, mas muito bonito. Gostaria de agradecer a todos que acreditaram no projeto e fazem parte dele diretamente, bem como quem o apoia de outras maneiras”, declarou.

Professora Socorro Rufino. Foto: Assecom/Unilab.

O professor Aluísio Marques, do Instituto de Ciências Exatas e da Natureza (Icen) e do Masts, sublinhou a importância de os mestrandos no início da caminhada já participarem de um livro, publicando capítulos. “O mestrado transformou uma colcha de retalhos em algo mais plausível, que tem a cara da Unilab”, elogiou.

Jangirglérdia de Oliveira, mestranda e organizadora do livro junto com os professores Juan Carlos e Roberto Xavier, considera que a turma “abraçou a causa”: 14 mestrandos estão participando do livro, que tem 13 capítulos, escritos pelos estudantes do programa e professores da Unilab e outras universidades. “Enriquecimento enorme pra gente que ingressou na pós agora. Eu já tinha feito especializações e no mestrado se percebe mais claramente a necessidade de ter uma produção acadêmica. Foi um envolvimento intenso e oportunidade ímpar de integração entre professores e estudantes”, disse.

A mestranda e coorganizadora do livro, Jangirglédia de Oliveira. Foto: Assecom/Unilab.

Comentários encerrados.