Unilab participa de reunião remota com Ministério das Relações Exteriores e Itamaraty sobre políticas de internacionalização

Na manhã desta sexta-feira (29), a Unilab participou, por meio de videoconferência,  de reunião remota sobre definição de políticas de internacionalização com o Ministério das Relações Exteriores e Itamaraty do Brasil (MRE). O encontro faz parte da agenda institucional da nova gestão da reitoria em definir um plano de ação estratégico de aproximação com os países estrangeiros e, também, estreitar os laços com as instituições brasileiras sobre internacionalização.

Reitor Roque Albuquerque.

Reitor Roque Albuquerque.

Na oportunidade, estiveram presentes, representando a Unilab: o Magnífico Reitor, Roque Albuquerque, a Vice-Reitora, Cláudia Carioca, o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg), Olavo Garantizado e a Pró-Reitora das Relações Institucionais (Proinst), Artemisa Monteiro. Representando o MRE e o Itamaraty, a conselheira Beatriz Vasconcelos, a chefe da Divisão de Temas Educacionais e Língua Portuguesa, o conselheiro Durval Pereira, a chefe da Divisão de Cidadania, a Secretária Maria Kallás, responsável pelos assuntos relacionados à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), na Divisão de África II, Alessandra Ambrosio, coordenadora de Cooperação com a CPLP na Agência Brasileira de Cooperação e Zeli Rocha, analista-técnica de Cooperação com a CPLP na Agência Brasileira de Cooperação.

Profa. Claudia Carioca, Vice-Reitora da Unilab.

Professora Cláudia Carioca, Vice-Reitora da Unilab.

Na abertura da reunião, Roque Albuquerque agradeceu aos presentes e manifestou o interesse da gestão transitória em estabelecer uma política de internacionalização institucional, gerenciada pela Pró-Reitoria de Relações Institucionais (Proinst) e auxiliada com as demais pró-reitorias, a fim de aproximar a instituição com os países parceiros, além de retomar os acordos de cooperação existentes. Em sua fala, Roque Albuquerque solicitou apoio do Ministério das Relações Exteriores e Itamaraty para a consolidação de ações focadas na Institucionalização do Projeto Consan e agendas institucionais com as embaixadas dos países que constituem a missão da Unilab.

Da mesma forma, a Vice-reitora, Cláudia Carioca, destacou a importância do momento e solicitou agendas conjuntas entre o MRE, Itamaraty e Unilab para consolidação do papel da instituição na formação dos estudantes estrangeiros, mas também no acompanhamento dos egressos.

Prof. Olavo Garantizado (Proppg) em momento de fala.

Professor Olavo Garantizado (Proppg) em momento de fala.

Ações de Pesquisa e Pós-Graduação e políticas de internacionalização

O Pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg), Olavo Garantizado, defendeu uma ação de aproximação com os países estrangeiros na construção de um plano estratégico para o desenvolvimento de programas de pós-graduação, em parceria com outras instituições dos países falantes de Língua Portuguesa. Na oportunidade, Garantizado destacou o trabalho que a Especialização em Segurança Alimentar e Nutricional, coordenado pela professora Jaqueline Sgarbi (Unilab), vem desenvolvendo que, segundo o pró-reitor, servirá de embrião para novas parcerias similares.

Fala da professpra Artemisa Candé (Proinst).

Fala da professora Artemisa Candé (Proinst).

Definição de Políticas de internacionalização na Unilab

A Pró-Reitora de Relações Institucionais, Artemisa Monteiro, apresentou um conjunto de demandas institucionais que a Unilab possui e, na oportunidade, solicitou auxílio, orientação e parceria com o MRE no desenvolvimento de um plano para definição de diretrizes da política de internacionalização da Unilab. Em sua fala, a pró-reitora apresentou o panorama de projetos que podem ser desenvolvidos e necessitam de amparo do MRE, focando na importância da retomada das tratativas sobre a cooperação.

Alessandra Ambrosio, Coordenadora de Cooperação com a CPLP na Agência Brasileira de Cooperação.

Alessandra Ambrosio, Coordenadora de Cooperação com a CPLP na Agência Brasileira de Cooperação.

A Unilab e o MRE estarão realizando agendas contínuas para aproximação institucional, a fim de fortalecer a construção de políticas de internacionalização para a instituição.

 

Comentários encerrados.