Unilab lança Núcleo de Línguas

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) lançou, em evento on-line, o Núcleo de Línguas (Nucli ILL), órgão complementar vinculado ao Instituto de Linguagens e Literaturas (ILL). Veja vídeo aqui.

Durante a apresentação do Nucli, o reitor da Unilab, Roque Albuquerque, ressaltou a importância do órgão para fortalecer o caráter internacional da universidade. “O núcleo vai trabalhar o Português como ‘língua instrumental’ e mesmo países que haviam parado de enviar estudantes para a Unilab sinalizaram interesse (em voltar). A gente presenteia o Maciço de Baturité com esse projeto que começou lá atrás e agora se realiza tendo um pouquinho de cada um de vocês”, disse. A vice-reitora, Cláudia Carioca, destacou que o Nucli é necessário para uma universidade com as características da Unilab.

Ana Cristina Cunha, diretora do Nucli, relembra o trabalho coletivo desenvolvido. “Desde maio a equipe vem se reunindo para traçar metas, promover ações e ofertas atividades e cursos on-line, palestras e material de alto teor linguístico e cultural nas nossas redes sociais”, comentou.

A estudante Emily Ferreira, bolsista de ensino de língua espanhola do Nucli, compartilhou um pouco da experiência no núcleo, onde ingressou em abril deste ano. “Pude perceber que, mesmo com o contexto de pandemia e sofrimento em saúde mental que estamos vivendo, a experiência como bolsista me ajudou a enfrentar tudo isto. (…) poder repassar os saberes que eu adquiri com tanto esforço da forma como tenho me empenhado, e recebido elogios de meus alunos, só me faz crescer como pessoa e ser humano”, declarou.

O Nucli será administrado por um conselho gestor, composto por 5 docentes, 1 técnico-administrativo em Educação e um discente, integrantes do rol de colaboradores cuja seleção está sendo concluída. Serão 4 setores: Línguas Clássicas, Línguas Modernas, Libras e Português como Língua Adicional. Cada idioma terá uma coordenação pedagógica. Por exemplo, o setor de Línguas Modernas terá, a princípio, 4 coordenações: Inglês, Espanhol, Italiano e Francês.

De acordo com a resolução do Conselho Universitário, o NucLi ILL se orienta “por um conjunto de diretrizes e princípios para a ascensão e consolidação do ensino de línguas adicionais, bem como para a instituição de uma política linguística que contribua com a internacionalização [da] Universidade”.

Sendo assim, a política linguística do Nucli tem como objetivos a criação de diretrizes e ações para a difusão dos saberes em diferentes línguas e culturas; a promoção do pluralismo linguístico que sirva como meio de acesso ao diálogo interinstitucional por meio de trocas, cooperações e intercâmbios nacionais e internacionais; a defesa da multiculturalidade enquanto ponte para o desenvolvimento científico e tecnológico e porta de acesso aos bens culturais.

O Nucli trabalhará em parceria e cooperação com programas de internacionalização e redes de parceria para o ensino de línguas adicionais de nível municipal, estadual, federal e internacional.

Atividades

As atividades do núcleo são ofertadas para comunidade interna e externa incluem cursos de extensão em línguas estrangeiras, exames de proficiência em língua estrangeira e curso de formação junto à Rede Andifes IsF.

Área de Língua Inglesa: preparação de materiais e cursos online (Curso de Compreensão Leitora em Língua Inglesa), materiais para redes sociais, lives e webpalestras. Organização do evento I Workshop de Formação de Professores, com a temática: “Desafios do Ensino-Aprendizagem de Línguas Estrangeiras no Contexto de Pandemia”, na plataforma Google Meet, no período de 24 a 28 de agosto de 2020.

Área de Português como Língua Adicional (PLA): desde dezembro de 2017, quando ainda funcionava no âmbito do Programa Idiomas sem Fronteiras, em respeito a um dos pilares da Unilab, a saber, o da integração, o Nucli vem ofertando, no Campus das Auroras/Ceará, os seguintes cursos e oficinas dirigidos ao público internacional da instituição:

2017
▪ Curso de Leitura e Produção de Textos (dezembro de 2017).

2018
▪ PLA: Leitura e Produção de Textos em Situação de Imersão (de
abril a maio de 2018).
▪ PLA: Leitura e Produção de Textos em Situação de Imersão
(setembro a novembro de 2018).
▪ Curso de Ambientação Linguística e Cultural (dezembro de
2018).

2019
▪ PLA: Leitura e Produção de Textos em Situação de Imersão
(maio a agosto de 2019).
▪ Oficina de Leitura e Produção de Textos Acadêmicos:
Comunicação Oral (agosto e setembro de 2019).
▪ Oficina de Leitura e Produção de Textos Acadêmicos: Artigo
Científico (dezembro de 2019).

Na mesma linha, para setembro de 2020, estão previstos dois cursos, quais sejam:
▪ Português como Língua Adicional: Curso de Leitura e de Escrita Acadêmica;
▪ Português como Língua Adicional: Gênero Acadêmico Comunicação Oral.

Área de Espanhol: finalizou-se esta semana o curso básico on-line, via Google Meet, e realizaram-se duas lives no instagram. A primeira foi realizada em parceria entre Nucli e o projeto de extensão na qual os bolsistas, Emily e António, conversaram sobre as semelhanças entre português e espanhol e o uso do portunhol. Na segunda, o geógrafo brasileiro Eduardo, que vive na Espanha há 16 anos, falou um pouco sobre sua experiência com a língua e a cultura do país, além de trazer um panorama do contexto da pandemia da região de Barcelona. Como ação prevista, iniciará em setembro uma nova turma do curso básico on-line.

Área de Italiano: atividades começam na próxima semana, com uma live.

Área de Francês: está havendo seleção para o coordenador de área.

Conheça a equipe do Nucli

Ana Cristina Cunha da Silva: Diretora do Núcleo de Línguas, professora Adjunta IV Unilab. Líder do Grupo de Pesquisa do CNPq – LANTECH (Language and Technology in Education), coordenadora do Projeto de Extensão “Conversation Society”, membro do núcleo gestor do Laboratório Interdisciplinar de Formação Docente (LIFE), membro do Comitê Local de Acompanhamento e Avaliação (CLAA) do Programa de Educação Tutorial de Humanidade e Letras (PETHL) da Unilab, doutora (2010) e mestre (2005) em Lingüística pelo Programa de Pós-graduação em Linguística da Universidade Federal do Ceará. Graduada em Letras – Português-Inglês e respectivas literaturas pela Universidade Federal do Ceará (2001).

Kaline Araújo Mendes de Souza: coordenadora da área de Português como Língua Estrangeira/Adicional (PLE/PLA). Professora da Unilab, doutora em Linguística pela UFC, mestre em Letras pela UFBA e graduada em Letras pela mesma instituição. É membro da Comissão Técnica do Exame de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras). Tem experiência na elaboração, aplicação e correção do referido exame. É consultora do Portal do Professor de Português Língua Estrangeira (PPPLE).

Gislene Lima Carvalho: possui Graduação em Letras Português Espanhol, Mestrado em Linguística e Doutorado em Linguística Aplicada. Colabora com o Nucli desde quando ainda era Nucli-ISF, com a elaboração e correção das provas de proficiência em língua espanhola. Está no terceiro ano do projeto de extensão Espanhol Língua e Cultura.

Vanessa Teixeira: surda. Professora de Língua Brasileira de Sinais (Libras) na Unilab. Coordenadora do Núcleo de Libras. Graduada em Letras Libras – Licenciatura – Polo Fortaleza, em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina, e mestre de Psicologia pela Unifor. Responsável pelo Projeto Laboratório de Libras; coordenadora do Projeto Conversação em Libras; coordenadora do Projeto Clube de Libras, em parceria com a Seduc.

Carlos Alberto Muniz: formado em Letras Inglês, Técnico em Assuntos Educacionais na Unilab. Atualmente é responsável pelo Serviço Acadêmico da Unidade e atuará como Coordenador Administrativo junto à Rede Andifes IsF.

Junayara Wallesca Diógenes da Cunha Lima: graduanda em Letras – Língua Inglesa pela Unilab, atua como professora/bolsista da área de Inglês do Nucli – ILL/Unilab.

Gefferson Fernandes: graduando em Engenharia de Energias pela Unilab e Jovem Líder- EIP pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos da América no Brasil. Atualmente, preside a organização estudantil Student Chapter- UNILAB reconhecido internacionalmente pela Optical Society e é professor de Inglês do Núcleo de Línguas (Nucli) vinculado à Rede andifes – IsF.

Tamara Vieira da Silva: tradutora/Intérprete de Libras. Colaboradora do Nucli, lotada no ILL.

Robson de Moraes Alves: trabalha na Unilab como tradutor intérprete de Libras. Possui formação em Desenvolvimento de Jogos Digitais.

Carlos da Silva Cardoso: assistente em Administração do Instituto de Linguagens e Literaturas.

Joana Paula Da Silva: graduanda do 6° semestre do curso de Letras – Língua Portuguesa pela Unilab. Compõe o Nucli como professora/bolsista na área de Português Língua Estrangeira/Adicional (PLE/PLA).

Lia Raquel Vieira de Andrade: graduada em Letras, com habilitação em língua portuguesa e língua italiana, pela Universidade Federal do Ceará (UFC), mestre em Letras (UFC) e doutora em Linguística (UFC). Atualmente, é professora do ILL e coordenadora do setor de língua italiana do Nucli.

Emily Ferreira: bacharelanda em Administração Pública pela Unilab, bolsista de ensino de língua espanhola do Nucli.

Abdel Boneensa: graduando em Enfermagem pela Unilab, é bolsista-professor da área de Francês.

Antonio Nilson Lopes Filho: colaborador administrativo do Nucli.

Fidel Quessana M’bana: graduando do curso de Letras Língua – Portuguesa na Unilab, atualmente é bolsista do Nucli, atuando na área de Ensino da Língua Portuguesa como Língua Estrangeira/Adicional.

Comentários encerrados.