Pesquisa on-line investiga nível de informação dos estudantes da Unilab acerca da Covid-19

A taxa de leitos hospitalares por mil habitantes na região do Maciço de Baturité é cerca de 3 vezes menor do que o preconizado pela OMS. Considerando esta realidade e o fato de que boa parte dos estudantes da Unilab no Ceará residem nos municípios em questão, a Liga Acadêmica de Farmácia Hospitalar (LIAFH-UNILAB) está promovendo uma pesquisa acerca no nível de conhecimento desses graduandos acerca do Coronavírus e de seus desdobramentos.

O formulário pode ser encontrado aqui, e também foi enviado para todos os discentes da graduação no Ceará com o título “Responda pesquisa on-line sobre nível de conhecimento acerca da Covid-19”. O questionário é precedido por um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) que, no caso de o estudante ter menos de 18 anos, exige a anuência de seus pais ou responsáveis legais.

A pesquisa é coordenada pela professora Aline Monte, vinculada ao Instituto de Ciências das Saúde (ICS) e orientadora do LIAFH. A docente considera que há uma grande responsabilidade da comunidade em conter a progressão do vírus, e que a duração da pandemia pela Covid-19 ainda é imprevisível.

Dentro do questionário, são encontradas perguntas gerais acerca das condições de moradia e nível de renda familiar do estudante. No decorrer, as perguntas ganham um direcionamento mais específico acerca das formas de contágio, sintomas e profilaxias pertinentes aos casos de contágio com Sars-Cov-2.

Comentários encerrados.