Equipe de pesquisadores do curso de Engenharia de Energias da Unilab publicam artigo em Revista Internacional

O curso de bacharelado em Engenharia de Energias, vinculado ao Instituto de Engenharias e Desenvolvimento Sustentável (Ieds), tem se destacado ao longo dos 10 anos de criação da Unilab.

No contexto da pesquisa de âmbito internacional, os estudantes de graduação em Engenharia de Energias da Unilab, Francisco Simão Neto, Italo Rafael de Aguiar Falcão, José Erick da Silva Souza, Lourembergue Saraiva de Moura Junior, Patrick da Silva Sousa e Thales Guimaraes Rocha publicaram o artigo “Opportunities for Improving Biodiesel Production Via Lipase Catalysis” na revista “FUEL” internacional, CiteScore: 9.1, Impact Facto: 5.578.

As participações agregaram mais valor à pesquisa, contanto com a colaboração da professora do Ieds, Maria Cristiane Martins de Souza, da estudante do Programa de pós-graduação em Energia e Ambiente (PGEA/Unilab), Isamayra Germano de Sousa, juntamente com os egressos do curso de Engenharia de Energias, entre eles: Francisco Thálysson Tavares Cavalcante e Pedro Henrique de Lima Gomes.

Sob a orientação do químico e professor do Ieds, José Cleiton Santos – atual coordenador do curso de Engenharia de Energias, que foi ex-bolsista da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), juntamente com os demais estudantes de graduação da Unilab envolvidos no desenvolvimento da pesquisa.

“A publicação contribui para a divulgação da Unilab a nível internacional, além de ser um reconhecimento internacional do trabalho de ensino e pesquisa que é desenvolvido, a nível de graduação e pós-graduação”, destaca o químico, José Santos.

Em 2018, a Funcap lançou o edital para bolsas de Produtividade em Pesquisa, Estímulo à Interiorização e à Inovação Tecnológica (BPI), destinado a promover a atração e a fixação de pesquisadores doutores, com boa produtividade científica em desenvolvimento e inovação tecnológica, para atuação em instituições de ensino superior e/ou pesquisa localizadas em municípios do interior do Ceará.

Sobre o artigo

A publicação destaca vários aspectos da produção de biodiesel catalisada por lipase. São apresentados e discutidos os avanços recentes e as perspectivas futuras de mecanismos que possam contornar os já conhecidos problemas inerentes a esses sistemas, como a baixa estabilidade e o preço dos biocatalisadores. De acordo com a literatura, as soluções alternativas incluem o uso de matérias-primas não convencionais de baixo custo, novos suportes, a elucidação de mecanismos de imobilização de lipase e projetos e configurações operacionais ideais para biorreatores. Por fim, são discutidos os passos necessários para viabilizar uma produção industrial economicamente viável.

Confira o artigo na Revista FUEL!

Comentários encerrados.