SGP divulga os atos administrativos em execução destinados ao retorno gradual das atividades presenciais da Unilab

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, sob a coordenação da Superintendência de Gestão de Pessoas da (SGP/Unilab), divulgou, nesta segunda-feira (7), as normas inerentes ao retorno gradual e seguro das atividades presenciais no âmbito da universidade (campi do Ceará e Bahia), segundo a Portaria da Reitoria nº 497/20, com previsão de retomadas das atividades a partir de janeiro de 2021, dia 04 (segunda-feira) – data de início das atividades acadêmicas, conforme Resolução Consepe nº 42/20, devendo ser observados os procedimentos e critérios estabelecidos nesta Portaria e o Protocolo de Biossegurança Institucional.

Segundo a portaria, levou-se em consideração uma gama de outras normas federais para o embasamento dos atos feitos. Logo de início, as orientações gerais para retorno gradual das atividades presenciais dos servidores docentes e técnicos-administrativos na Unilab seguirão enquanto perdurar o estado de calamidade de saúde pública decorrente da Covid-19, conforme a Instrução Normativa nº 109/20, da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia.

No contexto de adequação a realizada da Unilab e o contexto pandêmico, a equipe da SGP utilizou-se, para a construção da Instrução Normativa (IN/SGP) nº 08/202, do resultado da análise dos dados coletados no questionário aplicado junto aos servidores técnico-administrativos (TAE) em regime remoto, como base para avaliação da possibilidade de disponibilização de ações específicas em saúde e qualidade de vida e de equipamentos e de suporte de trabalho necessários aos servidores.

Entre os critérios, em especial que se destacaram, as seguintes definições: Trabalho Remoto – execução das atividades fora das dependências físicas nos campi da Unilab pelos servidores impossibilitados de comparecimento presencial ao trabalho, Serviços Essenciais – funções administravas e acadêmicas indispensáveis para funcionamento adequado das atividades meio e fim da universidade, realizadas por docentes e técnicos-administrativos e Grupo de Risco – foram elencadas (Artigo 10) as situações que se encaixam no grupo de risco para Covid-19 os que apresentem as condições ou fatores de risco.

Adriano Nascimento, superintendente da SGP, esclareceu que a implementação das ações estão ligadas diretamente ao retorno das atividades do Calendário Acadêmico, previstas para janeiro de 2021, que ocasionará o aumento do número das demandas, mesmo que sejam executadas de forma remota, prioritariamente. Contudo, algumas atividades são de natureza prática, a exemplo das atividades realizadas em laboratórios, necessitando a presença dos profissionais e estudantes para execução e desenvolvimento das pesquisas, avaliações, entre outros fins. No administrativo, existem situações com necessidades de atendimento ao público presencial. “Estamos considerando casos especiais, como: o grupo de risco, as comorbidades comprovadas, as pessoas que estão trabalhando de forma remota, as que estão em revezamento, as que contraíram a Covid19 ou com suspeita dos sintomas e outras situações específicas, que, a partir de janeiro, com a colaboração dos servidores no controle da situação pandêmica da Unilab, serão mapeadas pela SGP semanalmente, conforme regramento”, pontuou o administrador.

Em destaque, Adriano relatou que, das 155 respostas do questionário, 40% das pessoas preferem o revezamento e/ou o trabalho presencial. “Um grupo de pessoas consideradas que preferem a atividade presencial, ainda que sob revezamento. Significa que, no contexto da saúde mental, o fator isolamento ocasionou algumas reações adversas que foram levadas em consideração para a escolha da nova prática de trabalho na Unilab”, concluiu.

Está previsto para o inicio de 2021,  segundo a equipe responsável da SGP, a divulgação dos resultados mapeados pelo questionário aplicado junto aos corpo de servidores da Unilab.

Atos administrativos

– Orientações complementares à Portaria Reitoria Nº 497/20  aos servidores da Unilab. Confira as mídias: Vídeo 1 (normas e procedimentos para o retorno gradual e seguro das atividades presenciais dos servidores da Unilab) e Vídeo 2 (orientações complementares à Portaria Reitoria Nº 497/20).

– Plano de Trabalho (individual), conforme a IN nº 08/20. Confira o Vídeo 3 (estabelece as orientações para preenchimento do plano de trabalho individual dos servidores em trabalho remoto ou sob regime de revezamento).

Outras informações pelo email da SGP: (sgp@unilab.edu.br).

Matérias relacionadas: Confira o Plano de Biossegurança da Unilab destinado a servidores docentes, técnicos e corpo estudantil e Pesquisa avalia condições de trabalho dos servidores em regime remoto.

Comentários encerrados.