Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Coase alerta sobre a situação da Covid-19 nos municípios sede dos campi da Unilab

Data de publicação  24/02/2021, 16:15
Postagem Atualizada há 4 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

Frente à pandemia do novo conoravírus (SARS-CoV-2), no último dia 17 de fevereiro, o Governo do Estado do Ceará publicou o Decreto de Isolamento Social nº 33.936, que normatiza medidas a serem adotadas em todo o estado. Dentre elas, damos destaque a proibição do uso de áreas comuns em casas de praia, bem como a realização de eventos festivos, funcionamento de bares e comércio até às 20 horas. Ainda temos a recomendação de evitar viagens intermunicipais.

As restrições visam colaborar com as medidas sanitárias de controle da pandemia, pela diminuição da circulação de pessoas e consequentemente do vírus. A variante do vírus encontrada em Manaus, mutação tem maior potencial transmissível, já foi detectada também no Ceará e na Bahia, assim como em outros estados brasileiros. As infecções entre os indivíduos mais jovens têm aumentado.

É importante incorporar as medidas de prevenção e isolamento social, uma vez que os riscos de transmissão e infecção pelo novo coronavírus apresentam aumento neste início de ano. A situação do número de casos tem atualização diária e pode ser consultada nas plataformas do Integra SUS, para o Ceará e Indicadores – SMS – Covid-19 – Transparência, na Bahia.

Os dados do IntegraSUS, divulgados no último 23/02/2021, mostram a proporção entre o número de pessoas infectadas e a população residente de cada município. A taxa, por fim, é calculada a cada 100 mil habitantes, indicando, atualmente, um cenário de alto risco de disseminação da doença nos municípios. Com o seguinte ranque:

Acarape – 13.483

Frecheirinha – 12.393

Crateús – 9.465

Iracema – 9.295

Moraújo – 9.124

Groaíras – 8.104

Redenção – 8.104

Segundo análises dos dados da plataforma IntegraSUS, há maior número de casos confirmados, em Redenção, nas faixas etárias entre 20 e 29 anos para o sexo masculino e entre 25 e 34 anos para o sexo feminino.

Destaca-se que, segundo boletim epidemiológico de Bahia emitido em 23/02/2021, o município de São Francisco do Conde apresenta incidência de 4.416,86 para cada 100 mil habitantes, com 1758 casos confirmados.

Outro dado importante a ser destacado, é a taxa de mortalidade, que faz referência a letalidade da doença calculada a cada 100 mil habitantes

Municípios do Ceará com maiores taxas de mortalidade por Covid

Orós – 233

Fortaleza – 172

Redenção – 165

Sobral – 160

Crateús – 154

São Gonçalo do Amarante – 150

Massapê – 149

Para evitar o surgimento de novas infecções (casos) e contribuir com o colapso da rede de saúde, é fundamental permanecer seguindo as orientações de distanciamento social.

Seja consciente, mantenha as medidas preventivas e evite aglomerações, saindo de casa somente em caso de extrema necessidade como para ir ao trabalho, hospitais, mercados e farmácias.

Atitudes responsáveis podem nos guiar por caminhos mais tranquilos e seguros nesse novo cenário.

Fortaleza, 24 de fevereiro de 2021.

Equipe +Saúde Universidade (Coase/Propae)

Categorias