Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Nota de repúdio contra vandalismo com a estátua de Mãe Stella de Oxóssi ocorrida em Salvador, dia 04/12

Data de publicação  05/12/2022, 09:14
Postagem Atualizada há 2 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

A comunidade do Campus dos Malês repudia com veemência o ato de intolerância religiosa praticado por vândalos contra a estátua de Mãe Stella de Oxóssi em Salvador (BA), na madrugada do dia 4 de dezembro.

Mãe Stella foi uma das mais importantes líderes religiosas brasileiras e dedicou sua vida a estimular a convivência respeitosa entre as religiões e a combater o racismo em suas mais diversas manifestações. A Ialorixá do Ilê Axé Opô Afonjá deixou um legado religioso, social e acadêmico de reconhecimento internacional e merece as maiores honras e respeitos.

O crime do último final de semana é mais uma manifestação de como o racismo estrutural age no Brasil: as mortes físicas e simbólicas do povo negro ainda são ações cotidianas que devemos combater com o rigor da justiça.

Ainda há muito o que construir para que haja efetiva igualdade racial e seguiremos fazendo nossa parte, honrando quem nos antecedeu e promovendo educação superior antiracista, inclusiva e cidadã.

Resistiremos!

Categorias