Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Reitor anuncia início das aulas para 25 de maio

Data de publicação  11/03/2011, 00:00
Postagem Atualizada há 9 anos
Saltar para o conteúdo da postagem
O Reitor da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Paulo Speller, anunciou, em entrevista coletiva à imprensa, o novo calendário acadêmico que define o início das aulas para o dia 25 de maio. A data se reveste de significativa importância por ser dedicado pelas Nações Unidas, como o Dia da África. A data será ratificada em reunião do Conselho Superior Universitário Pro-Tempore (Consup), no próximo dia 16 de março.

 

O reitor destacou que a programação para a aula inaugural está sendo elaborada. Na lista dos convidados, a presidenta Dilma Rousseff, o ministro da Educação, Fernando Haddad, e o ex-presidente Lula. “Tudo vai depender da agenda. O convite foi feito durante assinatura de protocolo de cooperação com o ministro da educação do Timor-Leste, João Câncio Freitas, na presença da presidenta Dilma. Contamos com a presença de todos, além do governador Cid Gomes, do reitor Jesualdo Farias, da UFC, e demais autoridades estaduais. O Campus da Liberdade, em Redenção, está muito bonito e pronto para receber os estudantes brasileiros e estrangeiros.”

 

Paulo Speller ressaltou ainda que “mais de 90% dos estudantes brasileiros aprovados, em seleção do Enem, são do Maciço de Baturité e da região. Foram mais de três mil inscritos concorrendo as 180 vagas. Esta primeira fase, são cinco cursos oferecidos: Engenharia de Energias, Agronomia, Administração Pública, Enfermagem e Ciências da Natureza e Matemática, além de Ensino de Graduação.

 

Sobre o Campus das Auroras, segundo campus da Unilab, o reitor adiantou que o primeiro módulo estará em funcionamento a partir de 2013. Um complexo universitário que terá 100 mil m² de área construída, sendo 32% na fase um, e 68% na fase dois. “Será uma cidade universitária para abrigar 5 mil estudantes, 150 professores visitantes, unidades de ensino, dependências para hospedagem, áreas de lazer. O terreno está localizado em ponto estratégico, entre Acarape e Redenção, uma garantia de grande mobilidade urbana para os dois municípios. Apesar de sermos uma Universidade nova, temos a certeza de que estamos no caminho certo.”

Os Jornais da região acompanharam a coletiva confira os links abaixo:

Jornal O Povo

Ceará Agora

Diário do Nordeste

TV Verdes Mares


Categoria