Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Filarmônica do Ceará realiza Concerto da Liberdade em Redenção

Data de publicação  11/05/2011, 00:00
Postagem Atualizada há 10 anos
Saltar para o conteúdo da postagem

Em comemoração à Abolição da Escravatura, quando foi proclamada a Lei Áurea, pela Princesa Isabel, a Orquestra Filarmônica do Ceará apresentará, na cidade de Redenção, o Concerto da Liberdade. O evento será realizado na próxima sexta-feira, 13 de maio, às 20 horas, em frente à igreja matriz.

No dia 13 de maio de 1888, cerca de 10 mil pessoas se aglomeraram em volta do Paço, o palácio do governo na capital federal, Rio de Janeiro, para participar da solenidade da leitura da carta.

Desde então, os negros, e apoiadores da causa, se reúnem nesta data para lembrar este fato, que marcou uma geração. Eles aproveitam o momento e reivindicam os seus direitos que lhes foram tirados. Mesmo após a abolição, continuaram durante anos excluídos da sociedade, pois não tinham emprego e nem moradia digna. A partir daí, surgiram as primeiras favelas. Atualmente já conseguiram conquistar novos espaços. Um deles é a Faculdade Zumbi dos Palmares, em São Paulo, que proporciona espaço de diversidade racial. Ainda em Redenção, cidade onde a Unilab está instalada, possuem um espaço especial reservado na entrada da cidade, que é o Monumento da Negra Nua que, segundo moradores, faz com que todos sempre se lembrem da história da cidade, que iniciou em 1823.

A atual cidade de Redenção era conhecida como Acarape e pertencia à província de Baturité, em 1823. Teve como seus primeiros habitantes, os índios tapuias, que vieram de Jaguaribe para habitar as margens do rio Pacoti, que corta a região, onde se formou uma pequena comunidade que vivia da pesca e agricultura.

Depois começaram a chegar alguns negros africanos que desembarcaram no Porto do Mucuripe e se espalhavam por regiões do Estado do Ceará. Se formou, então, o primeiro núcleo de povoação para o surgimento do município.

Categoria