Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

CABO VERDE – Evento na Cidade de Praia discute Inovação na África

Data de publicação  29/01/2014, 09:04
Postagem Atualizada há 8 anos
Saltar para o conteúdo da postagem

banderia-caboverde

Nos próximos dias 4 e 5, a Cidade de Praia, em Cabo Verde, receberá a I Cimeira sobre a Inovação em África (Africa Innovation Summit), evento que tem como objetivos principais colocar a problemática da inovação no centro da agenda de desenvolvimento de África e como principal instrumento da competitividade das economias africanas. O encontro é organizado pela empresa cabo-verdiana IHABA em parceria com o Governo de Cabo Verde, o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) e o NEPAD.

A I Cimeira Inovação em África (AIS) faz parte de um esforço para construir uma plataforma promovedora de Inovação em África. Esta Cimeira constituirá a base para um diálogo contínuo, entre os vários participantes, sobre a inovação. Todas as partes interessadas, incluindo políticos, empresários, inovadores, investigadores, acadêmicos e investidores estarão envolvidas numa atuação conjunto para realizar a avaliação estratégica, procurar soluções sólidas e envolver pessoas na construção de um ambiente mais propício para a inovação no continente.

A proposta desse evento é iniciar um processo para rever de forma crítica o que acontece e como aprender com os exemplos africanos emergentes quais os desafios e como construir sistemas de inovação sólidos em países africanos.

Contexto atual

O continente africano tem feito grandes progressos na última década, em distintas áreas desde a social, a política à econômica. O crescimento tem sido sólido e as variáveis macroeconômicas têm mostrado grandes melhorias, apesar das circunstâncias globais difíceis. Contudo, a realidade é que hoje, poucos países africanos podem afirmar ter transformado com sucesso as suas economias.

O cenário global do século XXI exige mudanças significativas nas sociedades e economias africanas. O sucesso exige que as sociedades e as economias africanas sejam criativas. Isto é crucial para o desenvolvimento de uma economia baseada no conhecimento e a competitividade na África.

A Cimeira iniciará um processo para rever de forma crítica o que está a acontecer e como aprender com os exemplos africanos emergentes, quais os desafios e como construir sistemas de inovação sólidos em países africanos.

 Site do evento

Com informações do site Observatório da Língua Portuguesa.

Categorias