Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Curso de Administração Pública da Unilab é reconhecido pelo MEC com perfil “Muito bom”

Data de publicação  18/08/2014, 16:47
Postagem Atualizada há 4 anos
Saltar para o conteúdo da postagem

Destaque reconhecimento ADMINISTRAÇÃO

O Ministério da Educação (MEC) publicou nesta segunda-feira (18) relatório com aprovação do reconhecimento do curso de Bacharelado em Administração Pública da Unilab. A avaliação obteve conceito final quatro, o que indica um perfil “Muito bom” de qualidade.

O curso de Administração Pública tem um corpo docente formado por 13 professores, sendo 12 doutores e um especialista. Já o Núcleo Docente Estruturante (NDE) é formado por cinco professores, sendo todos os membros doutores e em regime de trabalho de tempo integral. De acordo com o relatório de avaliação, o currículo do curso avaliado apresenta coerência necessária com as exigências que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais, atendendo a legislação vigente e em sintonia com as exigências estabelecidas pelo MEC. Para a coordenadora do curso, profª. Maria Aparecida da Silva, “estamos felizes com esse momento. É uma nota que coroa um esforço de toda a equipe. É um curso que tem poucos professores e, mesmo com a dificuldade na composição, isso significa um grande esforço desse quadro. A nota representa o que é o curso, sendo seu corpo docente e suas produções, o projeto pedagógico e espaço físico”.

Comissão de avaliação e equipe da Unilab

Comissão de avaliação e equipe da Unilab

O Projeto Político do Curso (PPC) prevê a oferta de 80 vagas anuais e uma carga horária de 3.080 horas, sendo 2.680 horas de disciplinas, 200 horas de atividades complementares e 200 horas de estágio. A integralização deve-se dar em 15 trimestres, tempo mínimo de 13 trimestres e máximo de 21 trimestres.

De acordo com o estudante Antônio Jeferson, do VI trimestre, “o reconhecimento é uma validação da qualidade do ensino que a universidade está proporcionando. Esse resultado externalizou o desenvolvimento que temos para outras pessoas. Além disso, seremos melhor recebidos no mercado de trabalho.”

Durante a visita da comissão, formada pelos professores Samuel Cogan Marcio, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e Nakayama Miura, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), foram expostos dados gerais sobre a universidade e de sua atuação na área da cooperação internacional, além de apresentadas as instalações do Campus da Liberdade, da Unidade Acadêmica dos Palmares e das obras do Campus das Auroras. A Comissão participou ainda de reuniões com estudantes, professores e servidores técnico-administrativos ligados ao curso de Administração Pública, além de conversar com membros da Comissão Própria de Avaliação (CPA) e com o Núcleo Docente Estruturante (NDE). Os avaliadores conheceram as instalações do Campus da Liberdade, tais como salas de aula e de professores, biblioteca, laboratório e demais ambientes do curso.

Para a diretora do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas (ICSA), profª. Rosalina Tavares, “o reconhecimento nos dá a certeza que estamos no caminho certo, atendendo às expectativas da qualidade de ensino explicitada nas diretrizes, objetivos e metas de um ensino de qualidade. Para a Unilab, esse resultado, assim como dos outros cursos que também já receberam ou irão receber excelentes avaliações, sinaliza que já está colhendo frutos”.

Categorias