Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Novos servidores tomam posse na Unilab

Data de publicação  17/06/2021, 16:53
Postagem Atualizada há 3 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira empossou, nesta quinta-feira (17), quatro novos servidores técnico-administrativos aprovados nos editais números 18 e 19/2019, sendo três assistentes em Administração e um técnico em Contabilidade.

A partir da próxima terça-feira (22), os servidores participarão do Curso de Integração, com certificado de 60 horas, organizado pela Superintendência de Gestão de Pessoas, por meio da Divisão de Desenvolvimento de Pessoal (DDP/SGP).

Reitor da Unilab, Roque Albuquerque

O reitor da universidade, Roque Albuquerque, destacou a relevância do momento, fruto de esforço institucional. “(…) precisamos dos servidores, especialmente na conjuntura que estamos vivendo. A universidade tem que entender o que é gestão com escassez de recursos. Hoje somos uma grande universidade e nesse exato momento temos parceria com todos os países da CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa), especialmente os Palops (Países Africanos de Língua Portuguesa). Temos carta de intenção de pelo menos três presidentes de países parceiros que querem construir um mestrado conosco e estamos fazendo parcerias para intercâmbio de servidores”, declarou.

Compondo a mesa junto com o reitor, o superintendente de Gestão de Pessoas, Adriano Semião, reforçou que a entrada de novos servidores é especial não só para os profissionais recém-chegados à Unilab, mas para todos que fazem a instituição. “É uma vida que está começando na Unilab, uma semente que está sendo plantada. Meu sonho é que as sementes sejam regadas todos os dias e possam contribuir com o progresso institucional”, disse.

A servidora da SGP Márcia Cabral comentou que a universidade tem feito um esforço de aproximação com os novos servidores já no momento da convocação. “Uma preocupação que tivemos na SGP foi fazer um contato por telefone com os novos servidores para nos aproximarmos, ter um contato afetivo. O início do trabalho deles não vai ser presencial, então queremos estar junto, perto, fazer o acolhimento, estar mais próximo da comunidade, o que tem sido a cara da nossa gestão”, afirmou.

Superação e esperança

A assistente em administração Ana Aline Galvão junto com o reitor Roque Albuquerque.

No início dessa nova etapa em cada trajetória individual, duas palavras se sobressaem: a superação por ter conquistado a desejada aprovação e a esperança de dias melhores como profissional e cidadão.

A assistente em administração Ana Aline Galvão ficará lotada na Pró-Reitoria de Relações Institucionais e Internacionais e conta o que espera dessa nova fase. “Tô muito feliz, cheia de esperança. Espero que o caminho seja maravilhoso e que eu possa contribuir muito com a universidade, que sempre achei muito interessante pela questão da integração, uma coisa que a gente não vê nas outras instituições”, frisou.

Nova servidora Thaís Ávila durante a posse.

Também assistente em administração, Thaís Ávila foi lotada na SGP. “Minha mãe já tem alguns colegas servidores aqui e me falava que era um lugar ótimo para trabalhar, com cultura organizacional muito acolhedora e eu percebi isso desde a perícia, entrega de documentos. Achei a universidade muito organizada”, pontuou.

O assistente em Administração Daniel Alves.

Daniel Alves, assistente em Administração que trabalhará no Instituto de Humanidades, destaca o desejo em colaborar com a universidade. “Essa conquista chegou em boa hora e quero trabalhar aqui com muito afinco para bem servir ao país e aos propósitos que me foram confiados”, sublinhou.

Categorias