Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Superação de obstáculos foi a conquista de todos os premiados da V Corrida de Rua Paraolímpica da APADR em parceria da Unilab

Data de publicação  26/09/2022, 09:01
Postagem Atualizada há 2 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

Parcerias, respeito, inclusão, superação, conquista, empatia estes são sentimentos estampados no rosto das crianças, jovens e adultos que participaram da V Corrida de Rua Paraolímpica, ocorrida dia 15 de setembro, em Redenção/CE.

A quinta edição da Corrida de Rua Paraolímpica, suspensa durante os dois anos mais críticos da pandemia da Covid-19, foi uma realização da Associação de Pais e Amigos da Pessoa com Deficiência de Redenção (APADR), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex/Unilab) e da Prefeitura de Redenção.

O percurso teve início na Escola Doutor Brunilo Jacó até o campus da Liberdade, ambos localizados em Redenção/CE, foram aproximadamente 800 metros, regado de muita alegria, esforço físico e sorrisos de todos os 58 participantes inscritos que representaram os municípios da região do Maciço do Baturité, juntamente com a equipe técnica (professores, psicopedagogos, psicólogos, terapeutas educacionais, pedagogos, assistentes sociais,  professor de Educação Física) de 16 voluntários.

As categorias da ação foram divididas em física, visual, auditiva, intelectual, PC e autismo. Cerca de 40 estudantes da Unilab fizeram parte da equipe de monitores que apoiaram na assistência aos atletas, durante a realização da corrida.

Ganhadores da medalha honrosa da V Corrida de Rua Paraolímpica em Redenção/CE

A premiação com a medalha de honra foi destinada a todos os participantes como reconhecimento e fortalecimento às ação desenvolvidas pela universidade e seus parceiros, no contexto da acessibilidade e inclusão junto à comunidade externa e acadêmica. A Unilab, por meio da Coordenação de Arte e Cultura (CAC/Proex), é parceira da Associação de Pais e Amigos da Pessoa com Deficiência de Redenção (APADR) desde 2014. Atualmente são registradas cerca de 80 crianças e jovens nas ações da APADR, abrangendo os municípios da Região do Maciço de Baturité/CE: Guaiúba, Itapiúna, Acarape, Aracoiaba e Redenção.

Conforme destacou o coordenador da CAC/Proex, Nixon Araújo, a ação é muito importante para que a comunidade esteja dentro da universidade. E a universidade esteja próxima da comunidade. 

“Que tenhamos mais acesso a diversidade do povo do Maciço de Baturité, beneficiando com nossas políticas e resoluções, para atender as diferentes questões dos portadores de deficiências múltiplas. É uma ação que completa um público muito importante para a instituição. Queremos que todos venham fazer parte de nossa comunidade acadêmica. Para que a Unilab avance cada vez mais no quesito da Acessibilidade” – Nixon Araújo

Parceiros da Unilab: Stênio, Nixon, Vanderlândia, Sabrina e Malércia.

Para o professor municipal de Redenção/CE, José Stênio da Silva Chaves – especialista em educação inclusiva, AEE, intérprete de Libras e coordenador da APADR, mesmo com a fase de isolamento, os trabalhos desenvolvidos e o apoio dos profissionais envolvidos, mostrou a média de crescimento na evolução do diagnóstico e tratamentos bem sucedidos, assim demostrado no aumento do número de inscritos para participar da corrida. 

Comunidade da Associação de Pais e Amigos da Pessoa com Deficiência de Redenção (APADR)

“Acredite que esses pessoas podem ir além do que possamos imaginar. Acredite nas possibilidades. Acredite no potencial, a inclusão é isso. Se não fizermos isso hoje, amanhã não saberemos o que vai acontecer. Para nós trabalhar a inclusão de uma forma verdadeira, dinâmica e participativa é ver a galerinha feliz.

Na corrida de rua todos são vencedores!” – José Stênio da Silva Chaves

O momento de inclusão é o principal ganho na participação das crianças, dos autistas, dos deficientes. Sabrina Silveira, proprietária do Sítio Vitória Buffet e Decorações, situado em Outeiro de Dentro, Redenção/CE, descreve o momento como: “a corrida não é só quem vai tirar o primeiro lugar, mas a relevância que todos já são vencedores. A participação é a superação de todos em seus obstáculos e seus limites”. A conquista de sua irmã deficiente na finalização da prova lhe deixou muito emocionada, mesmo sem falar, sua irmã expressou felicidade pelo impulso de continuar a chegar até a Unilab. “É uma lição de vida até pra mim!”, declarou a empresária e apoiadora da causa.

Para Sabrina, essas ações devem continuar, com muito mais apoio. Fez noção da necessidade de ter um lugar/espaço apropriado para desenvolver outras atividades junta à natureza, atividades lúdicas, motoras e artísticas, agregando as atividades escolares correlatas.

Sabrina Silveira, proprietária do Sítio Vitória, Redenção/CE

Confira nossa galeria!

Matéria relacionada: De 20 a 26/08, estarão abertas inscrições para a V Corrida de Rua Paraolímpica, que acontece dia 15/09, em Redençao (CE), com apoio da Unilab

Categorias
Palavras-chave

CONTEÚDO RELACIONADO