Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Unilab e Urca realizarão II Seminário Interdisciplinar das Ciências da Linguagem

Data de publicação  20/09/2013, 13:19
Postagem Atualizada há 8 anos
Saltar para o conteúdo da postagem

SIC-unilabA Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) e a Universidade Regional do Cariri (URCA) realizam entre os dias 11 e 13 de dezembro o II Seminário Interdisciplinar das Ciências da Linguagem. O evento será realizado no Campus da Liberdade da Unilab. A estimativa é que 400 pessoas participem, reunindo estudantes e professores do curso de Letras e áreas afins, além de pesquisadores e interessados no geral. As inscrições serão abertas no início de outubro.

De acordo com o presidente da Comissão Organizadora e professor da Unilab, Vilmar Ferreira de Souza, o objetivo do encontro é integrar, interiorizar e democratizar as discussões acerca da linguagem no estado do Ceará. Professores e estudantes do Instituto de Humanidades e Letras da Unilab estão convidados a participar da elaboração do evento. Já o vice-presidente e professor da URCA, Raimundo Luiz Nascimento, “é um evento de grande importância, uma vez que possibilita que as universidades do interior tenham acesso à informações, proporcionando um intercâmbio com outras instituições de ensino. É pertinente também a integração entre os professores e alunos de diferentes universidades”.

Site do evento

O site do evento está em construção e em breve terá todas as informações sobre o II SIC:www.2sic.unilab.edu.br

Palestrantes confirmados:

Armindo Ngunga (Universidade Eduardo Modlane-Moçambique)

É professor Catedrático em Linguística Africana e atualmente é diretor do Centro de Estudos Africanos da Universidade Eduardo Mondlane. Fez Licenciatura e Mestrado Línguas e Literaturas Africanas em 1987 e 1988, respectivamente, na Universidade de Zimbabwe e concluiu o Mestrado e o Doutorado em Linguística em 1995 e 1997, respectivamente, na Universidade de Califórnia em Berkeley, EUA. É (co)autor de várias publicações, entre livros e artigos científicos, bem como editou e organizou e escreveu vários livros entre gramáticas de línguas moçambicanas. O seu último livro, lançado em fevereiro de 2013, foi o Dicionário de Língua Moçambicana de Sinais.

Fúlvia Rosemberg (PUC-SP)

professora-Fulvia-Rosemberg-PUC-SPPossui graduação em Psicologia pela Universidade de São Paulo (1965) e doutorado em Psychobiologie de lEnfant – Ecole Pratique des Hautes Etudes /Universite de Paris (1969). Atualmente é pesquisadora senior da Fundação Carlos Chagas, professora titular da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e professora titular da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia Social, atuando principalmente nos seguintes temas: educação infantil, políticas públicas, relações raciais, ação afirmativa e educação.

Luiz Paulo da Moita Lopes (UFRJ)

Luiz-Paulo-da-Moita-Lopes-UFRJÉ professor Titular do Programa Interdisciplinar de Linguística Aplicada da UFRJ e Pesquisador do CNPq. É PhD em Linguística Aplicada pela Universidade de Londres. Já publicou nove livros no Brasil e artigos em revistas científicas e capítulos de livros no Brasil, México, Estados Unidos, Holanda e Inglaterra. Atua na área de linguística aplicada, especificamente no campo das relações entre o discurso e as práticas sociais, com ênfase em estudos sobre letramentos escolares (língua estrangeira e materna) e não-escolares (midiáticos) e os processos de construção das identidades sociais (gênero, sexualidade e raça). Tem também pesquisado questões relativas à lingua(gem) e globalização, principalmente no que se refere aos desafios teóricos decorrentes.

Irandé Antunes (UFPE)

Irandé-Antunes-UFPEPossui graduação em Línguas Neolatinas pela Universidade Federal do Ceará (1963), mestrado em Linguística pela Universidade Federal de Pernambuco (1986) e doutorado em Linguística pela Universidade de Lisboa (1993), com tese defendida sobre a coesão do texto. Atualmente, é professora e pesquisadora da Universidade Estadual do Ceará (UECE), especialista de língua portuguesa, junto à Secretaria de Educação de Pernambuco e especialista de língua portuguesa, junto ao Ministério da Educação. Como professora e pesquisadora, exerce ampla atividade de divulgação científica, sobretudo, junto a professores de Língua Portuguesa, em cursos, palestras e debates em torno de temas como: língua, texto e discurso, gêneros textuais, produção escrita, leitura e formação de professores.

Maria Lúcia Barbosa de Vasconcellos (UFSC)

servletrecuperafoto (1)Maria Lúcia Vasconcellos é professora Associada da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com atuação nos Programas de Pós-Graduação PGET (Pós-Graduação em Estudos da Tradução) e PGI (Pós-Graduação Inglês). Seus interesses de pesquisa concentram-se em: (a) Análise Textual e Tradução dimensão explorada na interface entre Estudos da Tradução e Linguística Sistêmico-Funcional (LSF), com o apoio de metodologias de corpus; (b) Mapeamentos do campo disciplinar Estudos da Tradução, incluindo-se aqui a gradual inserção de Tradução e Interpretação de Línguas de Sinal TILS no cenário da pós-graduação brasileira; e (c) Formação de tradutores.

Comissão Organizadora

Vilmar Ferreira de Souza (Unilab-presidente)

Raimundo Luiz do Nascimento (URCA-vice-presidente)

Monalisa Valente Ferreira (Unilab)

Ana Cristina Cunha da Silva (Unilab)

Vera Regina Rodrigues da Silva (Unilab)

José Sérgio Amancio de Moura (Unilab)

Comissão Organizadora do II SIC, com a reitora da Unilab, Profª. Nilma Lino Gomes

Comissão Organizadora do II SIC, com a reitora da Unilab, Profª. Nilma Lino Gomes

Profº. Raimundo Luiz Nascimento (vice-presidente); Profª. Nilma Gomes (reitora da Unilab); Profº. Vilmar de Souza (presidente)

Profº. Raimundo Luiz Nascimento (vice-presidente); Profª. Nilma Gomes (reitora da Unilab); Profº. Vilmar de Souza (presidente)

Categorias