Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Estudantes participam de evento que destaca a diversidade cultural africana

Data de publicação  21/03/2014, 16:51
Postagem Atualizada há 8 anos
Saltar para o conteúdo da postagem
Estudantes participam do I Cultura Livre – Empreendedorismo em Ação

Estudantes participam do I Cultura Livre – Empreendedorismo em Ação

I-Cultura-Livre-Empreendedorismo-em-Acao-01-

Os estudantes da Unilab participam, nestes dias 21 e 22, na cidade de Redenção, do I Cultura Livre – Empreendedorismo em Ação, evento organizado pela Prefeitura Municipal de Redenção e o Sebrae. Durante a programação, os alunos estrangeiros vão apresentar a cultura de seus países, por meio da dança, da música, da gastronomia, do vestuário, entre outras.

I-Cultura-Livre-Empreendedorismo-em-Acao-

A universidade, que possui um stand no evento, estará representada pelos estudantes brasileiros e estrangeiros e pela pró-reitora de Extensão, Arte e Cultura, Ana Lúcia Silva Souza. Na ocasião, a população poderá obter informações sobre a instituição, como cursos, formas de ingresso e atividades de extensão. Essa ação é coordenada pela Proex e articulada com as pró-reitorias da Unilab.

De acordo com Ana Lúcia, essa atividade é fundamental para os estudantes interagirem com a cidade como cidadãos e para as pessoas conhecerem as diferentes culturas que circulam por Redenção. “Aqui, não é apenas um momento comemorativo, mas é o cruzamento de culturas e diálogos. Os alunos precisam ser aceitos em todos os espaços da cidade, como nas praças, nos hospitais, nos correios. É uma ação artística e política, em que todos devem aprender a conviver, utilizando a arte e a cultura como caminhos”, afirmou a pró-reitora.

O guineense Jackson Armando Lopes, do curso de Administração Pública, está na organização do evento. Segundo ele, a comunidade vai poder conhecer a cultura de Guiné-Bissau através da dança, da degustação de pratos típicos do país e da mostra de roupas e acessórios. “O objetivo é fazer uma comparação entre as semelhanças e as influências entre brasileiros e africanos”, comentou.

O estudante de Guiné-Bissau, Juel Silva, destacou a exibição de sons e imagens que será realizada no evento. “Serão músicas, poesias e fotos da África e do Brasil. Então, faremos a ligação entre as culturas”, disse. Ele também vai mostrar danças tradicionais da etnia Mandjacu, além de dançar e cantar hip hop.

I-Cultura-Livre-Empreendedorismo-em-Acao-02-

A consultora do Sebrae, Rose Henud, falou que o objetivo do evento é “promover o encontro da população local com os imigrantes que chegaram à cidade de Redenção. Essa atividade é uma forma de registrar e documentar esse encontro e aproximar as instituições, como a Unilab, o Sebrae e a Prefeitura, dos moradores”.

logomarca

A Cultura Livre é o primeiro Movimento de Desenvolvimento Econômico Sustentável do município de Redenção através de ações no segmento de Economia Criativa. Essa ação visa o incremento de negócios inovadores, geração de renda e à inclusão social.

Programação:

programação 1

Categorias