Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Projeto de extensão ‘Diálogos Urbanos’ promove o curso “Introdução ao Geoprocessamento”, nesta quarta-feira (29)

Data de publicação  28/03/2017, 13:55
Postagem Atualizada há 4 anos
Saltar para o conteúdo da postagem

Cidade de Fortaleza/CE | Fonte: Osmar Silva

O projeto de extensão ‘Diálogos Urbanos’, vinculado ao Instituto de Humanidades e Letras (IHL), promove, a partir da próxima quarta-feira (29), o curso “Introdução ao geoprocessamento: trabalhando com QGIS”, que trabalhará noções básicas de Cartografia, realizando uma introdução ao Sistema de Informações Geográficas (SIG) e sua relação com diversas áreas do conhecimento, além de apresentar o Software QGIS, demonstrando suas aplicações e funcionalidades.

O curso tem 15 vagas ofertadas para o público de docentes, estudantes e técnicos-administrativos (TAEs) da Unilab que foram preenchidas pelo grupo de extensão já organizado, articuladas a um projeto específico.

A ministração acontecerá, quase sempre às quartas-feiras, no período de 29 de março a 26 de abril, das 13h30 às 16h30, no Laboratório de Informática do Campus da Liberdade, em Redenção/CE.

Serão 5 encontros com carga horária de 15 horas. Os certificados dos participantes serão expedidos junto a Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex).

Segundo Eduardo Machado, professor do IHL, a perspectiva é que sejam ofertadas mais edições do Curso, quando serão abertas vagas para interessados da comunidade acadêmica e da sociedade como um todo.

O Diálogos Urbanos, vinculado ao Grupo de Extensão e Pesquisas Urbanas (GIPU), tem a visão de que a apropriação de conhecimentos e habilidades que permitam o trabalho com o geoprocessamento, inclusive utilizando softwares de acesso livre, pode qualificar ações de educação, extensão e pesquisa, particularmente as que buscam pautar o Direito a Cidade enquanto referência ao desenvolvimento das cidades.

O projeto de extensão busca a territorialização dos sistemas e políticas públicas, abrindo espaço para sua democratização e qualificação político-técnica, inclusive através de plataformas colaborativas que contemplam a espacialização das informações. Por fim, o trabalho com o geoprocessamento também abre espaço para a integração intersetorial dos sistemas e políticas públicas – por exemplo, integrando políticas de mobilidade urbana, assistência estudantil e habitação, dentre outras.

O curso será ministrado pelos professore que integram o Laboratório de Planejamento Urbano e Regional (Lapur) da Universidade Federal do Ceará (UFC), através do Núcleo Fortaleza do Observatório das Metrópoles, Regina Balbino e Nayrisson de Jesus Prado da Silva, juntamente com o membro do Grupo Interdisciplinar de Extensão e Pesquisas Urbanas (Gipu), Julimar Lopes Trajano.

Categorias