Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

“SaraLive da RAVU” promove bate-papo e lançamento da Revista RAVU7, nesta quarta (24)

Data de publicação  10/03/2021, 11:38
Postagem Atualizada há 6 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

Nesta quinta-feira (24), a partir 16h, será o lançamento da edição (7ª) da Revista de Arte Verbal da Unilab (RAVU), no evento on-line das Revistas de Arte Verbal da Unilab – “SaraLive da RAVU”, com a transmissão pelo canal do Youtube da Palmartes.

Neste evento, serão apresentadas as quatro publicações já produzidas, além do bate-papo com o sociólogo, escritor e estudante do Mestrado Interdisciplinar em Humanidades da Unilab (MIH/Unilab), Alcides de Amaral, autor do conto “O menino de cor”, que está na CONTAÇÃO 12.

O prazo final da chamada para publicação na RAVU7 foi dia 17 de março. Os interessados puderam enviar suas obras para Publicadora Palmartes: (publicadorapalmartes@gmail.com), cuja equipe realizou a análise para a publicação.

Confira a nova revista – RAVU7!

O projeto do curso de licenciatura em Letras da Unilab, da Unidade Acadêmica dos Palmares, Redenção/CE, disponibiliza as demais edições, em versão digital no site-repositório da Palmartes. A Publicadora Palmartes também expõe poemas individuais através de seu perfil no Instagram

O projeto de extensão, vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex), é coordenado pelo professor de Teoria da Literatura do Instituto de Linguagens e Literaturas (ILL), André Telles do Rosário. 

A equipe sempre está recebendo textos, e já estão trabalhando nas próximas edições da RAVU e da CONTAÇÃO. Mande seu e-mail com o texto que deseja publicar, mais seu nome (com pseudônimo, se preferir) e seu curso/instituto/setor na Unilab, para: (publicadorapalmartes@gmail.com).

RAVUs

A sétima edição da Revista de Arte Verbal da Unilab (RAVU 7) contém criações de 34 autoras/es, entre graduandas/os de Engenharia, Administração, Letras, Humanidades e Pedagogia da Bahia e do Ceará; mestrandas/os do MIH; e professores também dos dois estados-sede da universidade. Poesia coletiva feita pelas mãos de africanas/os de diversos países e brasileiras/os de vários estados, gente com a literatura e a Unilab em comum (e muito mais, como podemos ver e saber lendo).

Muito do que estamos passando está presente, desabafado e sublimado em poesia e prosa. Das 19 publicações lançadas até agora, apenas as duas primeiras edições, de dezembro de 2019, foram impressas – lançadas num sarau, o SARAVU, o Sarau de Apresentação da RAVU (e da CONTAÇÃO). As demais seis edições da Revista, e onze contos da série – 17 publicações – foram realizadas e divulgadas virtualmente, por conta da pandemia.

Neste sentido, o projeto mantém a visão inicial, adicionada aos propósitos do projeto quando este renasceu para o ambiente virtual – criar e proporcionar lugares de convívio criativo lúdico, aberto a toda comunidade unilabiana, como forma, também, de resistir e reexistir em convivência artística, durante este tempo de isolamento social e cultural.

Toda RAVU é editada com poemas e prosas enviados para o e-mail da Publicadora Palmartes – todos poemas recebidos, feitos por gente que está ou já passou pela Unulab, são publicados. Em cada edição, há o cuidado de se construir uma sequência significativa com os textos, compreendendo o que as colaborações têm em comum e as colocando juntas para dialogarem, criando uma poesia coletiva. Confira todas as publicações no site-repositório da Palmartes e mídia do Instagram

CONTAÇÃO 10, 11 e 12

Além da RAVU 7, estão lançadas, também, três edições da série CONTAÇÃO.

A CONTAÇÃO 10 traz Jonas Vieira, em sua segunda participação nesta série, com “Ninguém te disse que isso é feio e errado…?”, um conto curto que joga com estereótipos de gênero – tanto os sexuais quanto os narrativos.

A CONTAÇÃO 11, “Aladji”, de Ninto João Vaz, é uma história que cruza a Guiné-Bissau de Buruntuma a Bissau, cortando o país leste a oeste, contando a vida de duas gerações de homens ligados a uma mesma sina de seu país.

E a CONTAÇÃO 12, “O menino de cor”, de Alcides de Amaral, conta a visita de uma iluminação a um ‘menino banhado de cor’, num lampejo existencial literário sociológico.

Laboratório de Publicação Digital – Publicadora PALMARTES

Já publicamos 12 edições da CONTAÇÃO, com 5 autoras/es africanos, um de cada país participante da UNILAB: uma caboverdiana, um santomense, um angolano, um guineense e um moçambicano – e 5 autoras/es brasileiros, três mulheres e dois homens, de diferentes cidades do Maciço. Leituras agradáveis, ligeiras, ambientadas em lugares diversos, com sotaques diferentes – tudo rápido e fácil de baixar.

Já temos sete edições da RAVUs, com esta, todas prontas para serem apreciadas e disponíveis para baixar, gratuitamente, no site. Cada uma com sua unidade de sentido construída coletivamente com as colaborações, como explicado acima.

Todas juntas somando 182 textos literários publicados ao todo, em língua portuguesa em seus mais diversos registros internacionais e também com poemas em Crioulo da Guiné-Bissau e de Cabo Verde.

Categorias