Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Novembro Afro-Brasileiro com o tema “Lei de Cotas: 10 Anos de Lutas da População Negra para Ingresso e Permanência na Universidade Brasileira” acontece de 21 a 25/11

O evento, que vai acontecer de 21 a 25 de novembro de 2022, nos campi do Ceará e da Bahia, está aberto a todos os coletivos, grupos e projetos de pesquisa, núcleos e demais setores da Unilab

Data de publicação  31/10/2022, 14:56
Postagem Atualizada há 2 semanas
Saltar para o conteúdo da postagem

O Serviço de Promoção da Igualdade Racial Kabengele Munanga (Sepir/Unilab), em celebração ao Mês da Consciência Negra e à memória de Zumbi dos Palmares, em 20 de novembro, convida a comunidade unilabiana a integrar a programação do Novembro Afro-Brasileiro, que em sua sétima edição, tem como tema: “Lei de Cotas: 10 Anos de Lutas da População Negra para Ingresso e Permanência na Universidade Brasileira”.

O evento, que vai acontecer de 21 a 25 de novembro de 2022, nos campi do Ceará e da Bahia, está aberto a todos os coletivos, grupos e projetos de pesquisa, núcleos e demais setores da Unilab que abordem o tema em pauta com palestras individuais, mesas redondas, grupos de debates, rodas de conversa, aulas abertas, atividades culturais etc, que abordem o tema proposto.

As atividades podem ser propostas para os turnos manhã, tarde ou noite.

As pessoas interessadas em participar podem enviar E-mail para: sepir@unilab.edu.br até a próxima quinta-feira, dia 03 de novembro, indicando o tipo de atividade proposta.

O Sepir destaca ainda algumas observações importantes:

  • As atividades serão presenciais; excepcionalmente podem ocorrer de forma remota (virtual) – favor informar/justificar se for virtual.
  • O/as proponentes das atividades deverão se responsabilizar pela reserva de espaço e equipamentos pertinentes à atividade proposta. Exceção, quando o componente for um coletivo de estudantes, sem acesso à reserva de espaço e equipamentos. Neste caso, devem entrar em contato com o Sepir.
  • O Sepir/CDHAA será responsável pelas atividades: mesa institucional, conferência de abertura, mesa de abertura e conferência de encerramento; auxiliará na divulgação, inscrição de ouvintes e emissão dos certificados.

Veja abaixo as sugestões de tempo de duração para organização do tipo de atividade proposta:

Palestras individuais: 20 minutos/apresentação + 20 minutos/debate. Total: 40 minutos no máximo.

Mesas redondas: 60 minutos/apresentação (até 04 participantes) + 20 minutos para debate. Total: 80 minutos no máximo.

Rodas de conversa e debates: 120 minutos no máximo.

Atividades culturais: 30 minutos por apresentação.

Categorias