Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Unilab oferta 225 vagas para novos estudantes de Graduação

Data de publicação  24/01/2023, 17:13
Postagem Atualizada há 5 dias
Saltar para o conteúdo da postagem

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) oferta, via Sistema de Seleção Utilizando os Resultados do Enem (Sisure), 225 vagas para os cursos, no Ceará, de Administração Pública, Agronomia, Enfermagem, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Energias, Farmácia, Humanidades, Letras – Língua Inglesa, Letras – Língua Portuguesa, Serviço Social; e na Bahia, Humanidades e Letras – Língua Portuguesa. As aulas são presenciais e têm início em 7 de março.

Leia o edital.

Veja também anexos e demais informações na página da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd).

As inscrições ocorrem on-line, de 24 a 29 de janeiro, e os candidatos precisam ter concluído o ensino médio e ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio referente a um desses anos: 2015, 2016, 2017, 2018, 2019, 2020 ou 2021.

O certame será composto de apenas uma chamada regular e duas chamadas de lista de espera. Na chamada regular e na primeira chamada de lista de espera, deverão enviar os documentos de pré-matrícula somente os candidatos convocados dentro do número de vagas estabelecido no edital.

Na segunda chamada de lista de espera, os candidatos classificáveis (aqueles classificados fora do número de vagas disponíveis) poderão enviar a documentação, porém, serão observados o quantitativo de vagas restantes e a ordem de classificação até o limite de vagas ofertadas.

Datas importantes

A convocação para pré-matrícula acontece em 31 de janeiro e a pré-matrícula para os aprovados na chamada regular será de 2 a 6 de fevereiro. As aulas têm início em 7 de março. Atente-se ao cronograma completo no edital.

No preenchimento do Formulário de Solicitação de Inscrição, o candidato indicará o número de seu próprio CPF e o número de inscrição no Enem, referente ao ano que escolher.

Deve indicar ainda o tipo de vaga a que concorre (veja o Quadro I do edital); e a bonificação de 10% (somente para candidatos que cursaram o ensino médio integralmente em escolas públicas e optarem pela modalidade ampla concorrência).

O efetivo direito à modalidade de vaga e à bonificação depende da comprovação da condição, no ato da matrícula. Caso contrário, o candidato perderá o direito à vaga.

Categorias
Palavra-chave