Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Dez docentes da Unilab são escolhidos para as Câmaras de Assessoramento Técnico-científico da Funcap

Data de publicação  12/11/2021, 17:32
Postagem Atualizada há 4 semanas
Saltar para o conteúdo da postagem

A Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) convidou 10 docentes da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) para comporem as Câmaras de Assessoramento em suas diversas áreas, pelo período de 2 anos. A Unilab, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg), enviou uma lista à Funcap com nomes de 20 docentes da universidade. Apesar da indicação ter sido feita pela Proppg, a avaliação e a escolha dos pesquisadores foi realizada pela Fundação.

Na indicação dos nomes institucionais, foram consideradas as orientações da Funcap e indicou-se, para cada uma das Câmaras, nomes selecionados internamente por meio de critérios técnicos, considerando-se os impactos das pesquisas em nível regional e internacional e, ainda, as sugestões das Direções dos Institutos da Unilab. Essas Câmaras abrigam pesquisadores de alto nível do Ceará e têm preferência àqueles com bolsa de produtividade do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), embora essa condição seja flexível de acordo com as especificidades de cada área, ou diante de outros indicadores de excelência e liderança acadêmica dos pesquisadores.

Pesquisadores escolhidos pela Funcap:

Em atendimento ao Ofício nº 470/2021/Funcap, a Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-graduação, por meio do Ofício nº 262/2021/PROPPG, encaminhou os nomes dos 20 docentes da Unilab, que foram indicados pelos seus respectivos Institutos, para avaliação e eventual composição. Os 10 docentes da Unilab convidados para comporem as Câmaras na Funcap foram:

*Câmara de Ciências Exatas e da Terra
Aluísio Marques da Fonseca (Química)

*Câmara de Ciências Biológicas e Ambientais
Jober Fernando Sobczak (Ecologia / Recursos Naturais)

*Câmara de Ciências Agronômicas e Veterinárias
Maria do Socorro Rufino (Agronomia / Fitotecnia)

*Câmara de Ciências Humanas, Letras e Artes
Eduardo Gomes Machado (Sociologia)

*Câmara de Ciências Sociais Aplicada
Hugo Marco Consciência Silvestre (Administração)
Antônio Roberto Xavier (Educação)

*Câmara de Ciências Médicas e da Saúde
Thiago Moura de Araújo (Enfermagem)
Lívia Moreira Barros (Enfermagem)

*Câmara de Engenharias e Ciências da Computação)
José Cleiton Sousa dos Santos (Eng. Química)
Vandilberto Pereira Pinto (Eng. Elétrica)

A docente Maria do Socorro Rufino, do Instituto de Desenvolvimento Rural da Unilab (IDR), selecionada pela Funcap, explica que sua atuação consiste em avaliar projetos de ensino e pesquisa, relatórios de atividades de bolsistas, pesquisadores, bem como editais específicos lançados pela Funcap.  “Fazer parte desse grupo seleto de pesquisadores na Câmara Científica da Funcap será uma grande honra e missão com a pesquisa do Ceará. Eu, enquanto professora e pesquisadora, não poderia ter um pensamento diferente de que a pesquisa pode alavancar o desenvolvimento de uma nação”, destaca a professora. Para o professor Vandilberto Pereira, outro docente escolhido pela Funcap,  “integrar um importante espaço de discussão e acompanhamento das pesquisas a nível estadual será uma grande honra”. Ainda segundo Pereira, “representar o Instituto e a Unilab na Câmara será uma grande responsabilidade”, complementa.

Segundo o professor Olavo Garantizado, pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, “embora a escolha dos nomes tenha sido delegada pela Funcap para a Pró-Reitoria, por entendermos que a participação da Unilab nesses espaços de trabalhos a nível estadual também devem ter ciência e participação de forma democrática e dialogada com as unidades constituintes da nossa instituição, realizou-se uma consulta formal às Direções dos Institutos da Unilab, por meio do Processo SEI nº 23282.412843/2020-93, a fim de que estas unidades acadêmicas também pudessem participar no processo de escolha dos nomes”, contextualiza. Após isso, foi realizada a indicação e a Funcap realizou o processo de seleção e escolha dos pesquisadores.

Para o reitor da Unilab, Roque Albuquerque, “a participação de nossos(as) pesquisadores(as) nas câmaras da Funcap demonstram a relevância das pesquisas que estamos desenvolvendo e reforça o compromisso institucional em estabelecer relações com as Fundações de Amparo à pesquisa e demais órgãos”. Ainda segundo Albuquerque, é uma felicidade de, pela primeira vez, a Unilab ocupar espaços fundamentais do alto nível da pesquisa no Ceará”, complementa.

Já a vice-reitora da Unilab, Cláudia Carioca, destaca que “é gratificante saber que a Proppg indicou nomes para constituírem a Câmara de Assessoramento de forma democrática e a Funcap, por meio de critérios técnicos, escolheu nossos(as) pesquisadores(as). Ela acrescenta ainda que “é importante entender que nossa instituição está começando a se articular externamente e fazendo com que tenhamos maior visibilidade local, regional, nacional e internacional”.

No portal da Funcap, encontra-se a lista dos novos componentes das Câmaras de Assessoramento.

Categorias
Palavras-chave

CONTEÚDO RELACIONADO