Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Equidade foi tema de encontro da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação dentro do projeto de internacionalização acadêmica da Unilab

Data de publicação  18/12/2023, 14:47
Postagem Atualizada há 5 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

Na última segunda-feira (11), foi realizado um encontro promovido com o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Proppg/Unilab).

A atividade de internacionalização contou com participação de professores convidados nacionais da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual do Ceará (UECE), além da participação internacional da docente da The University of Texas at Austin.

Docentes da Unilab e convidada da The University of Texas at Austin

Entre os participantes estiveram presentes docentes representantes dos cursos de Pós-Graduação da Unilab: Vera Regina da Silva (PPGA UFC/Unilab); Aluísio da Fonseca (MASTS), Daniela Tavares (PROFMAT) e Arilson Gomes (MIH), com mediação do coordenador de Pesquisa e Pró-Reitor (em exercício), Joserlene Pinheiro (Leno) e da a coordenadora da Pós-Graduação, Anne Fayma.

Sobre os docentes de outras universidades: José Aires de Castro Filho – professor titular da Universidade Federal do Ceará, atuando no Bacharelado em Sistemas e Mídias Digitais e no Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Educacional (Mestrado Profissional) do Instituto Universidade Virtual e no Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira (Mestrado e Doutorado) da Faculdade de Educação no eixo de Tecnologias Digitais na Educação e Marcília Chagas Barreto – professora adjunto M da Universidade Estadual do Ceará, vinculada ao curso de pedagogia e ao Programa de Pós-Graduação em Educação.  Ela lidera o Grupo de Pesquisa Matemática e Ensino (MAES).

Segundo o professor do Instituto de Humanidades (IH) e coordenador de Pesquisa (Proppg), Leno Pinheiro, o encontro destaca a internacionalização na pós-graduação como um processo estratégico que visa á integração global do ensino, pesquisa e extensão. Nesse sentido, a ação se caracteriza entre os objetivos estratégicos da Unilab, fortalecendo subsídios que possam contribuir para o fortalecimento da instituição no cenário educacional interno e externo, melhorando sua representatividade por meio da inovação e relevância cooperativa.

No âmbito da pós-graduação, em convergência do plano de desenvolvimento institucional, a Profa. Anne Fayma (CPG/Unilab) destacou as reflexões que estão trabalhando para que haja a sustentação efetiva da internacionalização, como:

Ampliação da Perspectiva GlobalColaborações e Parcerias Internacionais; Mobilidade Acadêmica; Multilinguismo; Qualidade e Reconhecimento Internacional; Diversidade Cultural e Inclusão; Pesquisa com Impacto Global; Redes de Pesquisa e Inovação; Captação de Recursos Internacionais e o Engajamento Global e Responsabilidade Social.

Para os representantes da Proppg, é significativo e favorecer e intermediar a relação entre os pesquisadores envolvidos em diversas iniciativas de pesquisa, como aquelas realizadas em articulação com outras instituições, e nesse sentido, estabelecer diálogo com a Pró-Reitoria de Relações Institucionais e Internacionais (Prointer) para que sejam celebrados convênios internacionais, visando o desenvolvimento das pesquisas. “A Rede Educação Matemática Nordeste (REM-NE) é uma dessas iniciativas, que visa não apenas favorecer a pesquisa com outras instituições, como também a relação institucional entre os parceiros e o projeto Unilab. A presença da pesquisadora Tia Madkins apresenta-se como uma ação de internacionalização”.

A convidada internacional, a Tia C. Madkins é uma professora assistente no Programa de Educação STEM (Science, Tecnology, Engieering and Matematics, respectivamente, Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) e no Departamento de Currículo e Instrução na The University of Texas at Austin (Faculdade de Educação). A mesma é,  ainda, afiliada de pesquisa da Faculdade com o Centro de Pesquisa Populacional e o Centro de Estudo da Raça e Democracia na Universidade do Texas em Austin, trouxe para o evento a temática “Educação do STEM focada na Equidade”.

Tia C. Madkins – The University of Texas at Austin

Durante sua apresentação, a docente discorreu os resultados de sua pesquisa com foco em apoiar educadores do PK-16 (K–16): do jardim de infância ao bacharelado) para projetar salas de aula inclusivas de STEM+ computação e engajar práticas de ensino focadas na equidade para transformar ambientes de aprendizagem para alunos minorizados, especialmente meninas negras.

Categorias
Palavra-chave

CONTEÚDO RELACIONADO