Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Gelitrans debate desafios da população transgênero e travesti na Unilab em evento online

Encontro acontece em 28 de junho, data que faz referência à revolta de Stonewall e na qual se comemora o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+

Data de publicação  23/06/2021, 12:42
Postagem Atualizada há 2 meses
Saltar para o conteúdo da postagem

O Grupo de Estudos e Pesquisa de Literaturas e Imagem Acerca das Transgeneridades (Gelitrans/Unilab) realiza, no dia 28 de junho, a partir das 15h, a mesa-redonda “Desafios Contemporâneos da População Trans/Travesti na Unilab: Pensando Possibilidades Para o Hoje e Novos Rumos Para o Amanhã”. A transmissão ao vivo será realizada pelo canal da Pró-reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex) no Youtube.

No encontro, as(os) convidadas(os) discutirão a primeira década de existência da Unilab na perspectiva de refletir o que foi construído para as pessoas trans/travestis, transgêneros, intersexuais e não-bináries – principalmente tomado o contexto histórico da pandemia e suas repercussões sobre o corpo LGBTQIA+, suas vulnerabilidades e possibilidades de mecanismos de proteção social.

A mesa será composta por Izzie Madalena (mestranda em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC e pedagoga pela Unilab), Luma Andrade (docente vinculada ao Instituto de Humanidades – IH/Unilab), Caterina Rea (docente vinculada ao Instituto de Humanidades e Letras do Campus dos Malês – IHL/Unilab/Malês), Sol Alves (graduanda em Antropologia pela Unilab), Ámon Eliseu (graduando em Antropologia pela Unilab), Diogo Micah (graduando em Humanidades pela Unilab), Pedro Sálil (graduanda em Humanidades pela Unilab) e Dan Kaio Lemos (doutorando em Ciências Sociais pela Universidade de Brasília – UnB e antrpólogo pela Unilab).

O encerramento terá show da graduanda da Unilab e artista drag queen Agatha Lazúli. O “Pocket Show Ao Vivo – Agatha Lazúli” ocorre como relançamento do Unilab Cultural – projeto contínuo de divulgação e fruição de apresentações artístico-culturais através de processos formativos, na busca pela integração entre a comunidade acadêmica e a cultura produzida no Ceará, com foco na produção da região do Maciço de Baturité.  

Dia Internacional  do Orgulho LGBTQIA+

Em 28 de junho, comemora-se o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+. A data é marcada pela revolta de Stonewall, ocorrida na cidade de Nova York, em junho de 1969. O acontecimento foi uma chave de início aos grandes movimentos a favor dos direitos LGBTQIA+, e em 2021 completa 52 anos.

A Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra) evidencia que Stonewall “recupera o legado de Marsha P. Johnson e Sylvia Rivera e de tantas outras trans/travestis que foram e são protagonistas desse levante social, que refletiu mais questões raciais e de classe enfrentadas pela juventude Queer sem-abrigo”. 

A sigla LGBTQIA+ é uma redução de “LGBTT2QQIAAP” e substitui hoje outras abreviações em desuso, como GLS, GLBT ou mesmo LGBT. A sigla mais recente engloba lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis, transgêneros, queer, intersexuais, assexuais e pansexuais. 

Categoria
Palavras-chave

CONTEÚDO RELACIONADO