Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Universidade Brasileira alinhada à integração com os países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

Lançamento do Projeto de Extensão Clube da Inclusão Escolar aconteceu dia 27/08, em Aratuba (CE)

Data de publicação  31/08/2022, 14:57
Postagem Atualizada há 3 semanas
Saltar para o conteúdo da postagem

No dia 27 de agosto, ocorreu na Escola Indígena Manoel Francisco dos Santos, em Aratuba (CE), o lançamento do Clube da Inclusão Escolar, projeto que está sendo realizado pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), em parceria com a Confederação Nacional de Agricultores Familiares e Empreendedores Familiares Rurais (Conafer) – patrocinador da iniciativa. O projeto irá realizar formação de docentes de Escolas Indígenas e Quilombolas da Educação Básica do Maciço do Baturité com vistas à Educação Especial, na perspectiva da Educação Inclusiva, com foco no ensino-aprendizegem. Tem como objetivos contribuir para o processo interiorização da Unilab, no âmbito do Maciço do Baturité (CE), bem como para o fortalecimento do Estatuto da Pessoa com Deficiência, Lei Brasileira da Inclusão (2015) e as Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica (2001).

No lançamento do projeto, marcaram presença a vice-reitora da Unilab, Claudia Ramos Carioca; o representante da Conafer, Akin Olori de Ogun; o representante do Núcleo de Inclusão, Acessibilidade e Diversidade (Niadi/Unilab), Rodolfo Pereira da Silva; o prefeito de Aratuba, Joerly Rodrigues Victor; a secretária de educação de Aratuba, Simônica Viana de Freitas ; a representante da secretaria de educação de Baturité, Sulamita Torres de Oliveira; a vereadora de Aratuba, Elky Barroso; a diretora da escola indígena, Evânia Maria Lima Silva; as lideranças indígenas Kanindé de Aratuba, Cacique Sotero e Cícero Pereira; a coordenadora do projeto Geranilde Costa e Silva, docente do Instituto de Humanidades (IH/Unilab); o vice coordenador, Samuel Oliveira, técnico-administrativo em educação (TAE/Unilab); e as bolsistas Ana Ingrid Paixão da Silva (BHU), Clara Maria Benevides Nascimento (Licenciatura em Física), Larice Xavier da Silva (Licenciatura em Pedagogia) e Maria Eduarda Távora de Albuquerque (Licenciatura em Letras/Língua Portuguesa).

Projeto

O projeto Clube da Inclusão Escolar acontece no período de agosto de 2022 a abril de 2023, nas escolas indígena Manoel Francisco dos Santos, em Aratuba (CE), e de Ensino Fundamental Osório Julião, localizada na área de remanescente quilombola Serra do Evaristo, em Baturité (CE). Tem como um dos objetivos específicos atuar como espaço de estudo e de reflexão acerca da legislação em âmbito internacional, nacional e do Ceará acerca da educação especial, na perspectiva da educação inclusiva, com vistas à construção de estratégias didático-pedagógicas escolares. Também visa capacitar docentes da educação básica de escolas indígenas e quilombolas do Maciço do Baturité, quanto ao Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). O projeto objetiva ainda contribuir para com o processo de formação e reflexão de pais, mães e/ou responsáveis por estudantes diagnosticadas com Necessidades Educativas Especiais (NEE) e Transtorno do Espectro do Autismo (TEA).

“(…) temos conhecimento que a presença de estudantes com Necessidades Educativas Especiais (NEE) e Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) é uma realidade também nas escolas indígenas e quilombolas do Maciço do Baturité, de modo que se faz urgente e necessário que esses/as docentes possam passar por processos de formação continuada acerca dessa temática, e assim, estarem aptos a promover ações didático-pedagógicas no campo da educação especial na perspectiva da educação especial. Dessa forma, a Unilab, por meio do Projeto de Extensão- CLUBE DA INCLUSÃO ESCOLAR – Formação de Docentes de Escolas Indígenas e Quilombolas da Educação Básica do Maciço do Baturité, com vistas à Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva, busca cumprir de forma efetiva seus princípios de Interiorização no campo da formação cidadã realizando a formação continuada de docentes para a construção de práticas didático-pedagógicas inclusivas.”

Geranilde Costa, coordenadora do projeto e de Extensão e Assuntos Comunitários (Proex/Unilab)

Galeria de Imagens

Categorias
Palavras-chave

CONTEÚDO RELACIONADO